2º SINACRIPTO: Comunicação aceita

PARA CONHECER O 2º SINACRIPTO

Recebo com satisfação a notícia de que foi aceita a Comunicação que pretendo apresentar durante o 2º Simpósio Nacional de Estudos Criptojudaicos (SINACRIPTO), a realizar-se de 19 a 21 de junho de 2017, na Universidade Federal de Sergipe.

Na ocasião exporei o tema “LEIA A BÍBLIA E FAÇA ORAÇÃO: A RELIGIOSIDADE TEOSÓFICA DOS JUDEUS CABALISTAS NO SÉC. XVI“. Eis o resumo do que se propõe comunicar:

Este trabalho propõe expor as principais ênfases que marcavam a religiosidade teosófica dos judeus cabalistas no séc. XVI, os quais faziam do estudo de passagens específicas da Torá um método para encontrar significados cabalísticos profundos em sua relação com Deus, fonte primordial da existência. Extraídos esses significados, os fiéis eram conduzidos à prática de orações de sentido místico, esotérico, por meio das quais o judeu cabalista ascendia a esferas superiores do sefirot, ali provocando o descenso de emanações divinas, cujas energias favoreciam a vida do piedoso que as invocasse. Assim, essa investigação busca entender o ethos sefirótico que marca a religiosidade do judeu cabalista, levando-o a crer que possui um total controle de sua vivência terrena, quer pela interpretação da Torá ou pelo exercício de orações sagradas.

A Comunicação será apresentada no Simpósio Temático “Impactos socioculturais da religião e do misticismo”,  conduzido pelos Msc Nilton Santana e o mestrando Genisson Melo (PPGCIR/UFS).

Clicando AQUI você verá mais sobre este importante evento, conforme já divulgado noutras postagens.

AD ASTRA PER ASPERA

Minicurso A CABALA DE ABRAVANEL no 2º Sinacripto

Está confirmado que ministrarei o minicurso A CABALA DE ABRAVANEL, uma proposta integrante do 2º SINACRIPTO (Simpósio Nacional de Estudos Criptojudaicos), a ocorrer de 19 a 21 de junho deste ano, na Universidade Federal de Sergipe.

O minicurso A CABALA DE ABRAVANEL versará sobre a investigação do duplo modo de escrita, exotérico e esotérico, com o qual Judá Abravanel construiu sua opus magnum, os Diálogos de Amor. Neste livro, destacadamente o Diálogo Terceiro, está presente a construção da identidade sefardita da família Abravanel, conectando-a implicitamente com os arcanos de sua ancestralidade judaica e explicitamente com a cultura renascentista onde estava inserida após o desterro da Península Ibérica, estabelecendo assim uma mediação cultural com seu tempo enquanto utilizava-se da Cabala para alimentar uma comunicação subterrânea com os judeus de todas as épocas. Para saber mais, acesse o syllabus do minicurso.

O SINACRIPTO é uma iniciativa do Grupo de Pesquisa Diáspora Atlântica dos Sefarditas (GPDAS), sob a coordenação do prof. Dr. Marcos Silva. Esta segunda edição, tão prestigiada e enriquecida quanto a primeira, tem por tema “Criptojudaismo Tardio e Identidade Judaica”, e realizar-se-á com o apoio das

Fonte da Imagem: https://pt.wikipedia.org/wiki/Sefirot

seguintes entidades: Universidade Federal de Sergipe, Programa de Pós-Graduação em História da UFS, Cátedra de Estudos Sefarditas Alberto Benveniste, Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. A dinâmica dos trabalhos contará com programação distribuída entre Simpósios Temáticos, Comunicações, Minicursos, e Conferências com palestrantes do Brasil e exterior.

Até lá.